Como seu negócio fica sem redes sociais?

Você com certeza viu que, no início desse mês, o sistema do Facebook saiu do ar por 6 horas. Foi o suficiente para suas ações despencarem, mas e as empresas dependentes das mídias sociais? Como podemos construir uma comunidade sólida que ultrapassa os limites das redes? Neste episódio de Growthaholics, Pedro Waengertner conversa com Yasmim Barroso, fundadora da flordemim, e a Luiza Leite, Coordenadora de Marketing da ACE. Quer entender mais sobre o papel do empreendedor nesse armaggedon da internet? Ouça o episódio completo!

O que a queda do Facebook realmente demonstra?

No último dia 4 de outubro, os servidores do Facebook ficaram caídos por seis horas seguidas, afetando o ecossistema da empresa por mais várias horas. O prejuízo estimado passou da casa dos U$500 milhões e prejudicou até mesmo os funcionários da empresa, que ficaram trancados para fora do prédio que operam por conta do sistema central. A última queda dessa dimensão havia sido em 2018, quando o gerenciador de anúncios do Facebook parou de funcionar por um dia inteiro, levando até dois dias para normalizar. Mas o que isso significa?

Na prática, empresas que dependem do espaço do ecossistema do Facebook precisaram paralisar suas atividades por praticamente um dia inteiro de trabalho. Automações foram paralisadas, postagens não saíram e, por um curto período de tempo, esses negócios não foram vistos. O prejuízo de todas essas empresas é incalculável e a dúvida que fica é: nos tempos de hoje, como podemos estruturar um negócio digital para que o marketing não dependa exclusivamente das redes sociais?

Uma das soluções mais efetivas para quedas como essa é entender a importância da construção de uma comunidade. Para além de clientes, para além de um público alvo ou uma persona, a comunidade entende o propósito do seu produto, se conecta com a sua mensagem e acredita no que a sua empresa, e só a sua empresa, pode entregar. Por isso, em dias como esse de queda no Facebook, sua comunidade estará esperando pela sua empresa em outro meio de comunicação digital.

Quer saber mais sobre o assunto? Ouça o episódio completo!

Compartilhe este conteúdo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram